Há uma semana, o São Paulo anunciou a contratação de Luiz Gustavo, jogador experiente com passagens por Bayern de Munique e Seleção Brasileira. A chegada do novo reforço não é só comemorada pela qualidade do atleta, mas por sua versatilidade dentro de campo.

Luiz Gustavo é um primeiro volante clássico, que costuma se posicionar à frente da dupla de zagueiros para proteger a defesa. Ele, que tem qualidade com a bola nos pés, ainda pode atuar como segundo homem de meio-campo.

Em meados de 2013, no Bayern, o técnico espanhol Pep Guardiola chegou a usá-lo como um zagueiro, aproveitando sua estatura em jogadas de bolas aéreas.

É exatamente dessa polivalência que Dorival Júnior quer usufruir no São Paulo. Inicialmente, o atleta chega para ser opção ao jovem Pablo Maia, que é monitorado por clubes europeus e pode ser negociado na próxima janela. Gabriel Neves não encerrou a temporada de forma positiva e Luan tem vivido altos e baixos.

Sendo assim, Luiz Gustavo deve ser o substituto imediato de Pablo Maia ou até formar dupla com o volante da base, a depender do adversário. Nesse caso, Alisson iria para o banco de reservas.

O São Paulo vê o meio-campista como um reforço importante, que tem bagagem necessária para encorpar um elenco que disputará a Libertadores na próxima temporada. O atleta assinou contrato com o clube até o fim de 2024.

Além dele, o Tricolor já anunciou a contratação do atacante Erick, que estava no Ceará, e está muito perto de fechar com o meia paraguaio Bobadilla, do Cerro Porteño. A diretoria são-paulina também mira dois nomes para reforçar o ataque: Pedro Raul e Ferreirinha.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *