O São Paulo está na final da Copa do Brasil após eliminar o rival Corinthians na última quarta-feira (16), pronto para enfrentar o Flamengo na grande decisão e ter a chance de conquistar seu primeiro título da disputa. Mas não há somente lucro esportivo para o Tricolor: existe, também, a valorização financeira.

A equipe comandada por Dorival Júnior derrotou os comandados de Vanderlei Luxemburgo pelo placar de 2 a 0 — Welington Rato e Lucas, dois dos protagonistas do embate, marcaram os gols no lotado Estádio do Morumbi.

Com o passaporte carimbado para a grande final, o clube são-paulino garantiu, pelo menos, R$ 30 milhões para seus cofres. Caso ‘bata campeão’, o time da Barra Funda vai arrecadar R$ 70 milhões com premiação na competição nacional de mata-mata.

O São Paulo já tinha R$ 18,7 milhões embolsados com sua campanha na Copa do Brasil. O Tricolor entrou na terceira fase da disputa, por também competir na Copa Sul-Americana.

Destrinchando as finanças: foram R$ 2,1 milhões arrecadados com a terceira fase; R$ 3,3 milhões por conta das oitavas; R$ 4,3 milhões devido às quartas; e, por fim, R$ 9 milhões com as semifinais.

Agora, o São Paulo volta suas atenções para a Série A do Campeonato Brasileiro. A equipe comandada por Dorival Júnior recebe o líder disparado Botafogo no sábado, às 16h (de Brasília), pela 20ª rodada da competição nacional de pontos corridos. O duelo será realizado no Morumbi.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *