A Federação Paulista de Futebol divulgou, nesta segunda-feira à noite, o áudio da análise do VAR no lance que resultou no pênalti para o Palmeiras durante o empate em 1 a 1 com o São Paulo, no último domingo, no Morumbi, pela 11ª rodada do Campeonato Paulista.

No segundo tempo do clássico, o goleiro Rafael, do São Paulo, atingiu o zagueiro Murilo, do Palmeiras, numa jogada pelo alto na área tricolor. Daiane Muniz dos Santos, responsável pelo VAR do jogo, recomendou que o árbitro Matheus Delgado Candançan fosse ao monitor rever o lance.

– Eu vejo o atacante jogando a bola. É falta. É falta. O atacante joga a bola e depois o goleiro chega atrasado de maneira imprudente e toca o atacante. Recomendo revisão e possível penal. Quem joga a bola é o atacante. O goleiro dá um soco na cabeça dele. Vou te mostrar pela superslow – disse Daiane ao rever o lance.

Já no monitor, o árbitro Matheus Delgado Candançan pediu para que o lance fosse paralisado no momento em que a bola encosta na cabeça do zagueiro Murilo, para saber quem havia tocado nela primeiro – ele ou o goleiro Rafael.

– Trava a bola na cabeça do Murilo. Essa câmera me mostra claramente que o Murilo tem a posse da bola e o Rafael acerta ele com o braço, numa ação temerária. Vou mudar para penal e amarelo para o goleiro – disse o árbitro Matheus Delgado Candançan.

A Federação Paulista de Futebol não divulgou a análise do VAR no lance do possível pênalti não marcado para o São Paulo, em cima do atacante Luciano. A justificativa é de que apenas os lances alterados após revisão são divulgados.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *