O São Paulo busca alternativas para negociar o meia James Rodríguez. Diante da dificuldade para decidir o futuro do jogador, que tem um alto salário e valores do passado ainda a receber, o Tricolor vê a Copa América como uma boa vitrine para que o colombiano receba alguma proposta.

A Copa América deste ano será disputada nos Estados Unidos, de 20 de junho a 14 de julho. A tendência é de que James Rodríguez seja convocado para defender a seleção colombiana. Se isso de fato acontecer, o São Paulo acredita que boas atuações do meio-campista podem atrair interessados em seu futebol.

James Rodríguez tem contrato com o São Paulo até o meio de 2025, mas o clube sabe que a passagem pode – e deve – ser abreviada. Fora dos planos do técnico Luis Zubeldía, que só o colocou em campo por poucos minutos no clássico contra o Palmeiras, o meio-campista também quer ser negociado.

Uma tentativa de negociação, inclusive, já foi colocada em prática no passado recente. São Paulo e James Rodríguez entenderam que a passagem chegaria ao fim durante o Campeonato Paulista, mas não chegaram a um acordo em relação aos valores que o clube ainda precisa pagar para ele sair antes do término do contrato.

Neste momento, James Rodríguez ganha, por mês, mais de R$ 1 milhão. E sequer tem sido relacionado por Luis Zubeldía para as partidas.

O São Paulo acredita que não é viável manter no elenco um jogador tão caro que não esteja sendo utilizado pela comissão técnica. Na semana passada, o presidente Julio Casares deu sinais de que a passagem está perto do fim.

– É um jogador com contrato no São Paulo, e está cada vez mais claro que ele não está nos planos do técnico. Agora vai ter a Copa América, ele vai ser convocado, e a janela vai determinar o futuro do James. Não temos nenhuma proposta. A partida (para outro clube) tem que ser boa para o atleta e principalmente pra a instituição.

O técnico Luis Zubeldía explicou por que não tem usado James Rodríguez:

– Uso quem me parece que tenho que usar e ponho quem acho que tenho que colocar. Nada pessoal com nenhum jogador. Estamos pensando partida a partida os jogos do São Paulo. E a partir do que vejo tomo a decisão que considero melhor para a equipe, não mais que isso – disse.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Content is protected !!