O São Paulo terá uma sequência de jogos decisivos nos próximos dias e o técnico Dorival Júnior poderá poupar alguns titulares. Entretanto, mesmo que seja da vontade do treinador, a escalação de um time misto deve ser afetada pelas recentes lesões no elenco.

“Vamos ver qual caminho tomaremos. A decisão passa pelo treinador. Se tivesse acontecido uma derrota no Morumbi semana passada, talvez tivessem dúvidas sobre a escolha por um time mesclado. Aqui temos que tomar decisões. E a melhor decisão que eu tomo é visando o São Paulo e não o Dorival”, disse o comandante do São Paulo, nesta quarta-feira.

O Tricolor saiu na frente pelas quartas de final da Copa do Brasil ao derrotar o rival Palmeiras por 1 a 0, no jogo de ida realizado no Morumbi. Os próximos três compromissos do São Paulo são contra Red Bull Bragantino, Palmeiras e Santos.

“Todos jogadores se sentem importantes. Vai ser diferente contra o Bragantino e, depois, contra o Palmeiras. Temos que ter todo cuidado possível para colocar a melhor em equipe em campo e buscar o melhor resultado”, declarou Dorival Júnior.

O “cuidado” citado pelo técnico tem a ver com o número alto de lesões sofridas pelo elenco do São Paulo. Nahuel Ferraresi, Lucas Beraldo, Igor Vinícius e Giuliano Galoppo são desfalques certos e de longo prazo do Tricolor.

Já Calleri, Luciano e Alan Franco tratam dores e pode retornar nos próximos jogos. Alexandre Pato e Erison passam pela etapa final de transição física e logo estarão à disposição de Dorival Júnior. Talles Costa, Moreira, Welington e Michel Araújo se recuperaram de lesão e treinam normalmente.

Dessa forma, os reservas David, Marcos Paulo, Rodriguinho, Patryck, Méndez, Juan, Luan, Alisson e Nathan se juntam aos recuperados como opções para um possível rodízio no time titular do São Paulo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *