O São Paulo inicia a temporada neste sábado, às 20h, contra o Santo André, em casa, pelo Paulista, com pelo menos três pendências a resolver no elenco.

Duas delas são lacunas no grupo de jogadores que a diretoria ainda pretende preencher com reforços – a outra é encontrar um clube para o equatoriano Jhegson Méndez, que não deve ser utilizado nesta temporada.

A diretoria espera encontrar um centroavante para ser a sombra de Calleri, um objetivo que cartolas já comentaram publicamente, mas que ainda não foi alcançado. Pedro Raul, do Toluca, do México, chegou a ser procurado, mas o negócio não avançou.

A inesperada saída de Caio Paulista para o Palmeiras gerou outra busca: a por um lateral-esquerdo. Por enquanto, o técnico Thiago Carpini tem Welington, em seu último ano de contrato, e o jovem Patryck. O titular da posição, inclusive, recebeu nos últimos dias a primeira proposta oficial do São Paulo para renovar seu vínculo.

Além de Caio, outro titular que deixou o clube foi Beraldo, vendido ao PSG. Para a zaga, porém, a diretoria não deve investir neste momento – a não ser que alguma oportunidade apareça.

Arboleda, Alan Franco, Diego Costa e Ferraresi são vistos como atletas de bom nível para a disputa do estadual, que será usado para avaliar a necessidade de contratação para a Libertadores, que começa em abril. Além disso, o clube renovou com Matheus Belém, que deve ser usado em caso de lesões dos demais.

Entre os jogadores que não fazem parte do plano do clube para 2024, só restou Méndez. Depois de emprestar Gabriel Neves ao Independiente, da Argentina, e vender Talles Costa ao Polissya, da Ucrânia, o São Paulo ainda busca um destino para o equatoriano, que tem contrato até 2025.

Méndez chegou ao clube no começo do ano passado respaldado por sua participação na Copa do Catar, mas jogou pouco e sem brilho. Sair também é um desejo do atleta, que foi liberado e nem ao CT da Barra Funda tem ido.

Por enquanto, o São Paulo contratou quatro reforços: os volantes Luiz Gustavo e Bobadilla e os atacantes Ferreira e Erick.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *