O São Paulo perdeu para o San Lorenzo-ARG por 1 a 0 no Estádio Nuevo Gasómetro, no jogo de ida das oitavas de final da Copa Sul-Americana. O gol dos argentinos foi marcado por Adam Bareiro aos seis minutos da segunda etapa.

Para avançar na competição, o Tricolor precisará vencer o jogo de volta, no Morumbi, por no mínimo dois gols de diferença. Vitória simples leva a definição da classificação para a disputa de pênaltis.

CINCO LANCES QUE MARCARAM A PARTIDA

> !VIRADO NO GIRAY! A primeira chance do jogo foi do San Lorenzo, em jogada construída por Giray e Leguizamon pelo lado direito que terminou em cruzamento para o lado esquerdo. Barrios finalizou mascado e a bola foi para fora.

> !ACABOU O GÁS! Apesar do início movimentado, aparentemente o gás da partida se concentrou todo no nome do estádio (Nuevo Gasómetro) durante o resto do primeiro tempo. Sem alternativas para furar a linha de cinco do San Lorenzo, o São Paulo acabou se tornando lento e previsível.

> !TOCO Y ME VOY! De pé em pé, saindo de um lado para o outro, o San Lorenzo se livrou da pressão são-paulina e abriu o placar em uma bela jogada coletiva. No fim do lance, Giray levantou na área, Maroni ajeitou de cabeça e Bareiro, cara a cara com Rafael, guardou a oportunidade.

> A PRIMEIRA DE CALLERI: O Tricolor tentou responder rápido com uma escapada pelo lado direito e cruzamento em direção a área. Tocaram no Calleri e o camisa cabeceou no primeiro pau, mas acabou parando em Batalla, goleiro do San Lorenzo, que fez uma defesaça.

> ONDE ESTÁ CALLERI? Tirando a cabeçada defendida por Batalla no segundo tempo, Calleri pouco apareceu na partida. O jogador passou a maior parte do jogo escondido em meio à marcação dos argentinos e fez falta para o ataque do Tricolor.

COMO FOI O PRIMEIRO TEMPO?
O São Paulo nem parecia que era o visitante no início da partida. O time de Dorival soube sair da marcação-pressão do San Lorenzo e, aos poucos, foi trocando passes como está acostumado. No decorrer da primeira etapa, no entanto, o time acabou se tornando previsível e lento diante da linha de cinco defensiva organizada pelo adversário.

E A ETAPA FINAL?
O São Paulo tomou o gol logo no início da partida e acabou se soltando mais no decorrer da segunda etapa, especialmente após as trocas de Dorival. No entanto, esbarrou nos mesmos problemas do primeiro tempo e apresentou muita dificuldade de furar a linha de cinco do San Lorenzo.

O QUE VEM POR AÍ?
Precisando vencer o San Lorenzo por um placar de, no mínimo, dois gols de diferença para avançar sem a necessidade dos pênaltis, o São Paulo define a classificação para as quartas de final da Sul-Americana na próxima quinta-feira (10), às 19 horas (de Brasília), no Morumbi. Antes disso, o Tricolor recebe o Atlético-MG pelo Brasileirão no próximo domingo (6), às 16 horas (de Brasília).

FICHA TÉCNICA
SAN LORENZO-ARG 1 x 0 SÃO PAULO
COPA SUL-AMERICANA – OITAVAS DE FINAL (JOGO DE IDA)

Data e hora: 03/08/2023 (quinta-feira), às 19 horas (de Brasília)
Local: Estádio Pedro Bidegain (Nuevo Gasómetro), em Buenos Aires (Argentina)
Árbitro: Wilmar Roldan (COL)
Auxiliares: Wilmar Navarro (COL) e John Leon (COL)
VAR: Juan Lara (CHI)
Público e renda: não divulgado

Cartões amarelos: ninguém para o San Lorenzo; Rodrigo Nestor (23′ do 1ºT), Arboleda (33′ do 1ºT), Michel Araújo (29′ do 2ºT) e David (48′ do 2ºT) para o São Paulo.
Cartões vermelhos: ninguém

GOLS: Adam Bareiro (aos 6′ do 2ºT) (1-0)

SÃO PAULO
Rafael; Rafinha, Arboleda, Beraldo e Caio Paulista; Pablo Maia, Alisson, Wellington Rato (David, aos 17′ do 2ºT) e Rodrigo Nestor (Michel Araújo, aos 17′ do 2ºT); Luciano e Calleri
Técnico: Dorival Júnior

SAN LORWNZO-ARG
Augusto Batalla; Rafael Pérez, Gastón Campi, e Gastón Hernández; Agustín Giay, Jalil Elias, Gonzalo Maroni (Carlos Sánchez, aos 25′ do 2ºT) e Malcom Braida; Ivan Leguizamon e Nahuel Barrios; Adam Bareiro. Técnico: Ruben Dario Insua

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Content is protected !!