Ao passo que Lucas e James Rodríguez vão readquirindo a forma física ideal, o técnico Dorival Júnior se aproxima de uma importante “dor de cabeça boa” no São Paulo. Isso porque com todos os seus atletas à disposição, uma dúvida paira no ar: é possível o Tricolor jogar com Luciano, Calleri James e Lucas juntos?

Para alguns, o quarteto é extremamente ofensivo, e o São Paulo perderia poder de marcação. Para outros, é fundamental o time contar com seus melhores jogadores em campo. Por enquanto, a comissão técnica sequer trabalhou tal possibilidade nos treinamentos, mas isso deve acontecer muito em breve.

“A gente ainda não conseguiu trabalhar essa situação. Foi uma sequência muito grande de jogos. Creio que daqui para frente a gente possa ter um tempinho maior com a Data Fifa e também de sábado para quinta-feira poderemos trabalhar outras situações”, disse Lucas Silvestre, auxiliar de Dorival Júnior.

O próximo compromisso do São Paulo na temporada acontece somente na quinta-feira, às 19h (de Brasília), contra a LDU, em Quito, no Equador, pela ida das quartas de final da Copa Sul-Americana. É possível que a partir desta semana o técnico Dorival Júnior e seus auxiliares comecem a pensar na possibilidade de escalar o quarteto em determinadas partidas.

“Vai depender muito dos quatro estarem em campo juntos. Se as funções defensivas forem executadas, não tem por que não colocar todos esses atletas de qualidade em campo”, concluiu Lucas Silvestre.

Atualmente, Rodrigo Nestor vem exercendo o papel de meio-campista mais avançado. Teoricamente, é o camisa 11 quem concorreria por uma vaga no time titular com James Rodríguez. Considerando que Luciano e Calleri são titulares absolutos, Lucas Moura entraria na vaga de Wellington Rato, porém, pela atuação do jogador contra o Corinthians, marcando um gol e dando uma assistência, Dorival Júnior terá uma tarefa extremamente difícil de encaixar todos os quatro atletas no time.

Caso não dê certo, fica de consolo o fato de o São Paulo ser o único clube brasileiro que ainda disputa três competições na atual temporada. Ou seja, pelo menos por enquanto, oportunidades não faltarão para que todos tenham minutos em campo e se sintam úteis integrando o elenco.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *