Calleri precisou de seis minutos para confirmar a virada (e vitória) do São Paulo sobre o Corinthians neste fim de semana. Os dois gols melhoraram ainda mais os números do argentino contra rivais.

Calleri tem números invejáveis em clássicos desde que voltou ao São Paulo, em agosto de 2021.

Contra o Corinthians, por exemplo, foram dez jogos e cinco gols neste período — em dois duelos, aliás, ele atuou pouco: saiu do banco de reservas em um e se machucou ainda no 1° tempo em outro.

Os números são mais modestos diante do Palmeiras: apenas dois gols em 11 partidas. O argentino balançou as redes, no entanto, justamente em uma decisão: na ida da final do Campeonato Paulista de 2022.

O Santos é a maior vítima de Calleri: ele marcou cinco vezes em seis duelos, média de quase um gol por jogo. No último encontro com o rival, o atacante “guardou” dois.

A média do são-paulino em clássicos é de 0,44 gol por jogo. Este número supera, por exemplo, o índice geral do jogador tanto nesta quanto na última temporada (0,32 gol por jogo em 2023 e 0,40 gol por jogo em 2022).

O faro de goleador, no entanto, deve dar uma pausa em breve, já que Calleri vai operar o tornozelo ainda neste ano e só voltará em 2024.

Dorival afirmou que deve utilizar seu camisa 9 por mais algum tempo, até o São Paulo abrir mais vantagem sobre os últimos colocados do Brasileirão. O time tem 34 pontos e é o 10° colocado do torneio.

Ele ainda não [vai operar], pelo menos o combinado é que vai passar um momento da competição antes de ele fazer a operação. A intenção é ter o Calleri em condições já em janeiro
Dorival Júnior

Ainda com Calleri, o São Paulo tem como próximo compromisso o Vasco. Os clubes jogam no sábado (7), no Rio de Janeiro.

Calleri em clássicos
Contra Corinthians: cinco gols em dez jogos

Contra Santos: cinco gols em seis jogos

Contra Palmeiras: dois gols em 11 jogos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *