Alexandre Pato tem seu futuro indefinido no São Paulo. O atacante sequer foi relacionado para a partida desta quarta-feira, contra o Coritiba, no Morumbi, pelo Campeonato Brasileiro, mesmo com o Tricolor indo a campo com uma formação completamente alternativa.

A escolha de Dorival Júnior em um duelo no qual todos os principais jogadores não começaram jogando mostra o quão atrás Alexandre Pato está dos demais companheiros. O atacante se recuperou há bastante tempo de uma séria lesão ligamentar no joelho e até agora não conseguiu convencer a comissão técnica de que pode competir em pé de igualdade com o restante do elenco são-paulino.

“O Pato continua trabalhando, intensificando e, a partir do momento que eu tenho uma segurança em colocá-lo, não tenho dúvidas de que isso vai acontecer. Sempre gostei muito do atleta, nunca foi diferente meu modo de pensar. Nesse instante estou priorizando aqueles que, na minha concepção, estão um pouco à frente e tentando extrair o melhor de cada um”, comentou Dorival Júnior.

Pato soma dez partidas pelo São Paulo na atual temporada, nove delas saindo do banco de reservas. O atacante marcou dois gols, um no clássico contra o Santos e outro na partida contra o América-MG.

“Não é simples para um treinador, com quase 40 atletas, usar todo mundo. Colocamos duas equipes para treinar e ainda sobram muitos jogadores. Adminsitrar tudo isso é muito complicado, tenho que visualizar aqueles que estão em melhores condições nesse momento. Pode ser que eu esteja errado, mas tento ser o mais correto possível em relação ao momento que cada um vive”, concluiu o treinador do São Paulo.

Com contrato válido somente até o fim da atual temporada, Pato ainda não sabe onde jogará em 2024. Fato é que, pelo andar da carruagem, sua permanência no Morumbi está cada vez mais em xeque.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *