Alexandre Pato marcou o seu primeiro gol em seu retorno ao São Paulo, neste domingo, na goleada de 4 a 1 sobre o Santos, no Morumbi, pelo Brasileirão. Foi apenas o segundo jogo do atacante, que vibrou muito com o momento.

– Agradecer a Deus. Foi uma corrida muito longa. Isso é um pedacinho do começo. Agradecer ao carinho da torcida e as palavras do Calleri, é um ídolo do clube. Espero que seja o começo de muitas coisas boas. Agradecer ao apoio da minha família também.

Na comemoração, Pato foi até o escudo do São Paulo, se ajoelhou e beijou a imagem. Antes disso, porém, ele protagonizou uma cena inusitada.

O atacantetirou a cabeça do mascote Santo Paulo e colocou em si próprio. De acordo com o jogador, essa celebração era um desejo desde que ele deixou o clube, em 2020.

– Desde a minha saída. Eu falei que um dia faria um gol e pegaria a cabeça do mascote. Só que começou dar fobia, não conseguia tirar. Falei: “A galera vai vir”. Aí deu para sair e depois fui no símbolo porque tenho que agradecer essa torcida. Ela me motiva a cada dia. Falo para minha mulher que a torcida é incrível. Isso me motiva cada vez mais para fazer o meu melhor. Eles merecem tudo – contou.

Pato também se mostrou emocionado pelo gol diante de mais de 58 mil pessoas. Segundo ele, foi a primeira vez que ele atuou em um Morumbi tão cheio.

– Cara, 60 mil pessoas no Morumbi, primeira vez que assisto assim de dentro de campo. Espero que eles continuem até o final porque a gente depende muito deles – finalizou.

O gol de Pato colocou o São Paulo na quarta colocação do Brasileirão. Com os mesmos 25 pontos do Fluminense, o Tricolor paulista fica na frente pelos gols marcados (22 a 21).

O Tricolor volta a campo no próximo sábado, às 18h30, para enfrentar o Cuiabá, pelo Brasileirão.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *