O São Paulo de Dorival Júnior pode quebrar um longo jejum em clássicos nesta semana.

O que aconteceu
O São Paulo não vence Corinthians, Palmeiras e Santos em sequência desde 2006.

Na oportunidade, o Tricolor de Muricy Ramalho venceu os rivais entre fevereiro e abril: 4 a 2 no Verdão, 2 a 1 no Timão e 3 a 1 no Peixe.

Agora, 17 anos depois, o São Paulo de Dorival tem a chance de repetir a “trinca” no Campeonato Brasileiro e Copa do Brasil.

Neste mês de julho, o Tricolor venceu o Palmeiras duas vezes (1 a 0 e 2 a 1), o Santos por 4 a 1 e agora encara o Corinthians, pela Copa do Brasil.

O duelo com o Timão pela semifinal será na terça-feira, 21h30, com o primeiro jogo na Neo Química Arena. A volta no Morumbi será no dia 16 de agosto.

Preocupação
Para vencer o Corinthians, encaminhar a vaga na final da Copa do Brasil e de quebra encerrar o longo jejum, o São Paulo precisa superar o retrospecto irregular como visitante.

Com Dorival, o São Paulo tem quatro vitórias, cinco empates e três derrotas fora de casa. Os quatro triunfos foram pela Copa do Brasil, nenhum no Campeonato Brasileiro.

Na última partida, o Tricolor jogou mal e perdeu por 2 a 1 para o Cuiabá, na Arena Pantanal. Dorival evitou alarmar a situação após a primeira derrota em um mês.

“Olha, fora de casa na Copa do Brasil, nós temos conquistado vitórias, então isso aí não é um problema que nós tenhamos que ficar debatendo a todo momento. Nós temos consciência de que realmente não aconteceram no Campeonato Brasileiro, mas a equipe está preparada para jogar, para criar, para buscar com a mesma intensidade de quando joga no Morumbi”.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Content is protected !!