O São Paulo venceu o Palmeiras por 1 a 0, na noite da última quarta-feira (5), no Morumbi, pelo duelo de ida das quartas de final da Copa do Brasil. Mais de 54 mil pessoas estiveram presentes no duelo para apoiar o Tricolor, com uma renda de R$ 4.169.660,00.

A diretoria do São Paulo, inclusive, já sabe o destino do valor arrecadado com a venda dos ingressos. Eles servirão para pagar direitos de imagem que estão atrasados com o elenco. Há alguns jogadores que constam três parcelas atrasadas, enquanto outros têm duas vencidas.

Essa movimentação do dinheiro da bilheteria já estava acordada entre diretoria e elenco. Além disso, dois outros jogos também devem contar para o pagamento do débito: contra o Palmeiras, no Brasileiro, em junho, uma renda de R$ 3,3 milhões, e a partida contra o Tolima, na Copa Sul-Americana, que teve uma renda R$ 2,2 milhões.

Quitar os débitos com o elenco, inclusive, é uma das prioridades da diretoria do São Paulo no momento. Até por conta disso, as movimentações no mercado para a janela de transferências estão tímidas. A meta da direção é pagar o que está atrasado com os jogadores e não perder nenhum atleta importante neste mês de movimentação de transferências.

Vale destacar que essa foi a maior bilheteria do São Paulo na temporada. Neste ano, o Tricolor já arrecadou R$ 40.562.643 somente com ingressos vendidos, sendo uma importante fonte de receita para os cofres são-paulinos. Em 2022, o São Paulo fechou o ano com R$ 67 milhões oriundos da venda de ingressos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *