Luciano encostou em Calleri na artilharia do São Paulo em 2023 ao balançar as redes nesta quarta-feira, na vitória por 2 a 1 sobre o Coritiba, no Morumbi, em duelo atrasado válido pela 22ª rodada do Campeonato Brasileiro.

O camisa 10 tricolor já era o jogador mais decisivo do elenco na atual temporada antes da partida contra o Coxa, somando dez gols e outras oito assistências, porém, com o tento anotado nesta quarta-feira, Luciano ficou a apenas um gol de igualar Calleri (12) na artilharia da equipe.

Luciano foi titular contra o Coritiba, confronto em que o São Paulo apostou em um time reserva. O camisa 10, considerado ídolo por boa parte da torcida, começou no banco de reservas os dois jogos da final da Copa do Brasil, contra o Flamengo, mas não perdeu seu poder de decisão.

Luciano aliás, recebeu elogios de Dorival Júnior após a conquista do título inédito da Copa do Brasil justamente por não ter se enfezado por causa da escolha do treinador em deixá-lo na reserva nos dois jogos mais importantes da história recente do São Paulo.

Mesmo sendo deixado de fora do time titular contra o Flamengo, Luciano seguiu motivado, tomando frente nas reuniões e nos treinamentos, exercendo um papel de liderança no vestiário e priorizando o coletivo em detrimento de suas aspirações individuais.

Resta saber qual será a escolha de Dorival Júnior para o clássico do próximo sábado, contra o Corinthians, às 18h30 (de Brasília), no Morumbi. Luciano vem provando que tem capacidade para figurar entre os titulares do São Paulo. A concorrência é pesada. Quem ganha é o Tricolor.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *