O São Paulo inscreveu, na última quinta-feira, o atacante André Silva no Campeonato Paulista. O reforço, recém-contratado, entrou na vaga que era ocupada por Rodrigo Nestor. O meio-campista, em recuperação de uma cirurgia no joelho esquerdo, havia sido inscrito no último dia possível da lista inicial do Estadual e foi cortado do mata-mata. Mas por quê?

Nestor passou em novembro do ano passado por cirurgia para corrigir uma lesão no menisco e no ligamento colateral medial. Desde então, passou por fisioterapia e tratamento até voltar a fazer parte dos treinamentos com os companheiros. Neste momento, o meio-campista aprimora seu condicionamento físico e já faz algumas atividades com o elenco, mas ainda não 100%.

Sem atuar desde o ano passado, Nestor acreditava que poderia estar à disposição da comissão técnica para o mata-mata do Campeonato Paulista, mas o cirurgião responsável por sua operação no joelho esquerdo preferiu ser cauteloso e esperar até o início de abril para que o jogador volte. O Paulistão acaba no primeiro fim de semana do mês que vem.

Sem Nestor, a comissão técnica do São Paulo inscreveu o atacante André Silva, contratado do Vitória de Guimarães, de Portugal. O jogador chega ao Tricolor para ser concorrente de Calleri por uma vaga no ataque do time comandado por Thiago Carpini.

O São Paulo havia inscrito Nestor, também, para não perder a vaga na Lista A do Campeonato Paulista. O regulamento não permite novas inscrições para o mata-mata, apenas substituições. Para que algum reforço fosse inscrito nas quartas de final, portanto, o meio-campista precisou ser colocado na lista inicial.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *