Alan Franco foi o escolhido pelo técnico Dorival Júnior para preencher a lacuna deixada por Lucas Beraldo, lesionado, na partida deste sábado, contra o Fluminense, no Morumbi, pelo Campeonato Brasileiro. O argentino concorria com Diego Costa para atuar ao lado de Arboleda, mas o treinador do São Paulo preferiu não escalar o atleta que, no ano passado, foi capitão da equipe.

Alan Franco já havia sido a escolha de Dorival Júnior para o duelo da última terça-feira, contra o Tigre, da Argentina, pela Copa Sul-Americana. Apesar de o zagueiro argentino não ter conseguido convencer parte da torcida tricolor desde sua chegada, pelo menos para Dorival Júnior ele vem correspondendo às expectativas.

“O Diego vem de duas lesões em sequência, está trabalhando demais para adquirir sua melhor condição. Achei que para esse momento seria importante a manutenção do Alan”, comentou Dorival Júnior.

Diego Costa desfalcou o São Paulo durante a reta final de 2022 e os primeiros meses de 2023, por causa de um procedimento cirúrgico para a retirada de um fragmento ósseo no joelho esquerdo, o que atrapalhou sua sequência como um dos pilares do elenco tricolor sob o comando de Rogério Ceni.

“Respeito muito o Diego, ele sabe disso, confio muito nele, sei que a qualquer momento ele vai restabelecer uma normalidade. Pode voltar a qualquer instante, tudo é questão de tempo. Ele está lutando, trabalhando muito, para que encontre rapidamente esse momento”, completou Dorival Júnior.

Para a partida da próxima quarta-feira, contra o Palmeiras, às 19h30 (de Brasília), no Morumbi, pela ida das quartas de final da Copa do Brasil, a expectativa é de que o São Paulo mantenha a dupla de zaga composta por Arboleda e Alan Franco.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *