O meia James Rodríguez tem aproveitado as oportunidades no time do São Paulo. Ainda não conquistou lugar entre os titulares, mas faz boas apresentações entre os reservas. O técnico Dorival Júnior já identificou o que o colombiano precisa para dar um passo à frente.

Segundo o treinador, falta profundidade a James, se aproximar mais da área, dos atacantes.

– Ele é um meia clássico, que arremata bem, pifa bem e talvez não tenha profundidade. Hoje (quarta, contra o Coritiba) ele fez, e estamos cobrando isso dele – disse o treinador.

Na partida de quarta, James fez um gol logo no primeiro minuto, de dentro da área, mas o lance foi invalidado pelo VAR, que indicou impedimento de Nathan, que foi quem deu assistência ao meia.

É provável que James tenha mais chances em campo a partir de agora, já que acabou preterido em algumas partidas de mata-mata, como as finais da Copa do Brasil, com jogos de maior intensidade.

Com poucos objetivos no Brasileiro, o São Paulo deve usar o torneio também para ajustar James à fórmula pretendida por Dorival.

O técnico comparou a situação do colombiano com a de Luciano, com quem James até disputa posição.

– O Luciano não tinha isso (profundidade) um tempo atrás e infiltrava com bola dominada. Hoje ele já busca o ataque na última linha. Eu tenho jogadores com características próximas. O Luciano já gosta de pisar bastante na área. O James aproxima e busca entrar na área. Aos poucos a gente vai ajustando e tentando achar os movimentos de cada jogador.

O São Paulo entra em campo neste sábado, contra o Corinthians, no Morumbi, às 18h30. Os tricolores ocupam a 10ª posição, com 31 pontos – os rivais estão colados, na 11º colocação, com 30 pontos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *