A semana de treinos sem partidas, possibilitada pela pausa no calendário para os jogos de seleções, ajudou o São Paulo a respirar no departamento médico e projetar retornos importantes para o time, seja nas próximas semanas ou até para o início da próxima temporada.

Nos dias de trabalho no CT, Dorival Júnior e a comissão técnica puderam contar em campo com Lucas, Galoppo e até Igor Vinícius, que não atua desde janeiro, quando o técnico do Tricolor ainda era Rogério Ceni.

Do trio citado, Lucas é quem se encontra perto do retorno. Há a expectativa de que o meia-atacante seja relacionado para o duelo de quarta-feira, às 21h30 (de Brasília), contra o Fluminense, no Maracanã, em jogo atrasado da 32ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Lucas sofreu um estiramento no músculo posterior da coxa esquerda no clássico contra o Palmeiras, em 25 de outubro. A previsão de três semanas de recuperação se cumpriu, e o meia-atacante tem treinado normalmente no CT da Barra Funda.

O camisa 7 participou de atividades técnicas e táticas durante os últimos dias (ficando na parte interna no domingo) e deve estar à disposição para quarta-feira. Dorival Júnior só definirá os relacionados depois do trabalho de terça no CT.

Já Galoppo e Igor Vinícius, que se encontram em recuperação de problemas mais graves, deram respostas animadoras durante essa pausa no calendário de clubes.

O meia-atacante argentino cumpre nesta segunda-feira os oito meses de protocolo de recuperação para o problema no joelho esquerdo. Galoppo operou no fim de março e atualmente participa de trabalhos específicos com bola sob o comando da comissão técnica.

O argentino até atuou como “coringa” em uma atividade técnica recente. A recuperação está dentro do padrão e anima Dorival Júnior, que aguarda a liberação dos médicos para utilizá-lo ainda nesta reta final de Brasileirão. Não há definição sobre a data para a volta aos jogos.

O caso de Igor Vinícius requer cautela. Uma pubalgia afasta o antigo titular da lateral desde janeiro; porém, o retorno nunca esteve tão próximo quanto neste momento.

O camisa 2 passou por uma tenotomia (intervenção cirúrgica de corte no tendão) no adutor direito e participou de atividades com bola nos últimos dias. Igor Vinícius, porém, tem a evolução avaliada dia a dia.

Dorival Júnior manifestou o desejo de contar com o ala neste ano, mas o retorno deve ocorrer na temporada 2024. Igor ainda aprimora a forma física e só voltará aos gramados quando estiver 100% recuperado.

Os reforços iminentes para a reta derradeira de 2023 e começo de 2024 aliviam o fim de ano do Reffis plus, agora com três atletas em recuperação de cirurgia: o meia Rodrigo Nestor (joelho esquerdo) e os atacantes Calleri (tornozelo direito) e Marcos Paulo (joelho esquerdo).

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *