O São Paulo ainda não anunciou oficialmente, mas a chegada do atacante Ferreira está praticamente concluída. O atacante, que estava no Grêmio, aceitou a proposta tricolor e assinou contrato válido por quatro anos com o Tricolor paulista.

Ferreirinha chega para reforçar o ataque e reúne características das quais o elenco são-paulino carece, se destacando pela velocidade e drible. No entanto, quem pode perder espaço com a contratação do atleta é o meia Michel Araújo.

Apesar de ser meio-campista de origem e, por muitas vezes, ter revezado posição com Rodrigo Nestor, o uruguaio é versátil. Por conta disso, o jogador foi muito utilizado pelo técnico Dorival Júnior como um ponta/meia pelo lado esquerdo.

Com a chegada de Ferreirinha, que atua principalmente como um ponta-esquerda e deve assumir a titularidade, Araújo pode ir para o banco mais vezes. Isso porque o ex-Grêmio foi o segundo maior driblador do time gaúcho no Brasileirão 2023 e terminou o ano com 40 jogos, sete gols e seis assistências.

Além disso, hoje o São Paulo conta com um meio-campo recheado de opções. Os crias de Cotia Nestor e Pablo Maia se destacaram em 2023, Alisson vem de uma crescente no fim da última temporada, enquanto Bobadilla e Luiz Gustavo foram contratados para asssumir a volância. James Rodríguez e Galoppo ainda disputam vaga no meio.

Michel Araújo foi um dos homens de confiança de Dorival em 2023 e esteve em campo em 53 dos 71 jogos que o Tricolor disputou no ano passado. No entanto, com a saída do comandante rumo à Seleção Brasileira e a ampla concorrência, o atleta pode perder espaço e não ser comprado em definitivo pelo São Paulo.

Michel Araújo chegou ao São Paulo em abril do ano passado, quando a equipe ainda era comandada por Rogério Ceni. O uruguaio está emprestado ao clube pelo Fluminense. Até o momento, ele marcou quatro gols e distribuiu três assistências com a camisa tricolor.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *