O São Paulo definiu uma parte importante de planejamento para o elenco de 2024: vai tentar segurar o meia-atacante Lucas para a próxima temporada. O anúncio veio nesta segunda-feira por intermédio do presidente Julio Casares, em entrevista ao “Roda Viva”, da TV Cultura. O dirigente ainda assegurou publicamente que disputará a reeleição no fim do ano.

– Vamos trabalhar e fazer todo esforço para que ele continue. Vamos tentar fazer. A estratégia é estabelecer uma linha de ação, vejo que ele está feliz, que essa felicidade seja multiplicada com uma proposta – afirmou o presidente são-paulino.

Sobre a reeleição, Casares pela primeira vez se colocou como candidato à reeleição e defendeu a própria gestão no campo esportivo.

– Sou candidato à reeleição. Vamos disputar, sim. Sinto que a gestão esportivamente é bem avaliada porque voltou a autoestima do torcedor, a resposta é o torcedor batendo recordes – comentou, anunciando a intenção de permanecer mais três anos no poder.

Sob a gestão Casares, o São Paulo conquistou o Campeonato Paulista de 2021 e dois vices: Paulistão e Sul-Americana de 2022. No Brasileirão, a equipe terminou no 13º lugar (2021) e um nono (2022).

Mais respostas de Casares no “Roda Viva”:
– O primeiro jogo é no Rio, e o Flamengo anunciou a venda e tabela o preço do visitante. O São Paulo tem preço de R$ 700 e meia de R$ 350. Temos que repetir na reciprocidade. Com os preços do São Paulo são 50% do preço do Maracanã. Não acho razoável, mas temos que entender que o torcedor que bate recorde, que se tornou a torcida mais popular do Brasil. São Paulo é líder nas arrecadações, precisamos precificar o Morumbi, que tem o setor popular, são 14 mil é pouco, é muito.

– É uma forma de tentar equilibrar as contas. Não há favoritismo. A torcida organizada compra ingresso, não cedemos. A torcida é regular e que acompanha nos ligares mais distantes, temperaturas frias. Aconteceu acidente grave com torcedores do Corinthians, um exemplo. Eles apoiam o clube.

– A dimensão desse jogo no Morumbi deve ter mais de 1 milhão querendo assistir, temos capacidade que restringe. O preço médio do sócio é 50 reais por jogo. Você garante uma janela de compra. Quando torcedor tem milhares querendo comprar, é um grande espetáculo

Sócio-torcedor
– Não há como garantir o acesso a todos. Tem o setor popular, não é sócio. Tem 3,5 mil para o visitante contra o Flamengo. A CBF e Paulista tem uma cota que pagam. Ingressos uteis diminuem. Além do benefício de tentar comprar primeiro, precisamos aperfeiçoar para que esse torcedor, ele tenha que pagar 50 reais na média. Criar outros artigos, experiencias que podemos discutir.

Ingressos para a final no Maracanã
– Temos mais de 60 mil e temos que dar preferência em janela por categorias. Isso vai frustrar a grande maioria. Estamos fazendo trabalho para que tenha condições de ser vendidos a partir de amanhã (terça-feira). O que acontece? Temos destinação de 3,5 mil para comprarmos.

– Nós vamos comprar e não temos condições de traze-los fisicamente. Vamos trabalhar para a gente conseguir vender até amanhã. Hoje teve uma reunião com a PM e as autoridades, estamos vendo a logística disso. O São Paulo permanentemente está atualizando.

Possíveis vendas
– Sempre no futebol é inevitável vender jogadores. Podemos vender, sim, no fim do ano e em janeiro. Sempre há diálogo com a comissão técnica. Não é uma garantia. O que muda é que o David Neres jogou pouco, Tuta também, quase nem jogou. Hoje o jogador deixa um legado esportivo. Sara foi vendido depois de jogar uma quantidade importante de jogos. Alguns saíram, é inevitável que tenha que vender.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *