O São Paulo deve ter uma novidade neste retorno de temporada, após o fim da Data Fifa. O lateral-esquerdo Caio Paulista seguiu com as atividades ao lado do elenco e se colocou à disposição da comissão técnica de Dorival Júnior para o compromisso de quarta-feira, às 21h30 (de Brasília), contra o Internacional, no Beira-Rio, pelo Brasileirão.

Recuperado desde a semana passada de um estiramento na parte posterior da coxa direita, Caio trabalhou sem limitações neste período sem jogos e deve ser titular da equipe em Porto Alegre.

Welington, outro atleta da posição, está retornando do Marrocos, após o cancelamento do amistoso contra o país africano, diante de um terremoto que resultou em mais de 2 mil mortes. O ala deve chegar somente na manhã desta terça a São Paulo e é dúvida até para a viagem ao Sul.

Com o retorno de Caio Paulista, o São Paulo deve ter quase força máxima diante do Inter, já que não entra em campo desde o duelo do último dia 31 contra a LDU, pela Sul-Americana.

O time deve ir a campo com Rafael; Rafinha, Alan Franco, Beraldo e Caio Paulista; Pablo Maia e Alisson; Luciano (Wellington Rato), Lucas e Rodrigo Nestor; Calleri.

Além de Welington, o São Paulo também não deve contar com James Rodríguez, que defende a Colômbia na noite de terça-feira contra o Chile, pelas Eliminatórias.

Arboleda, que joga pelo Equador também nesta terça pelas Eliminatórias, está suspenso do duelo de quarta em virtude do cartão vermelho recebido contra o América-MG.

Tanto James quanto Arboleda chegam ao Brasil só na quarta-feira, data da partida contra o Internacional. Situação que praticamente invibializa a participação dos dois no jogo.

O São Paulo ainda tem mais uma sessão de treinos antes da viagem para Porto Alegre. Na manhã desta terça, a partir das 10h30, a equipe trabalha no CT da Barra Funda.

Vídeo e preparação de time
Nesta segunda, o dia de treinos começou com um vídeo exibido pela comissão técnica. Após as correções a partir das imagens, o grupo se dividiu em dois no gramado. Houve um trabalho defensivo com o auxiliar Pedro Sotero e outro ofensivo, com construção de jogadas, sob comando de Dorival Júnior e Lucas Silvestre.

Posteriormente, Dorival juntou os jogadores disponíveis e fez um trabalho tático de 11 contra 11 em espaço reduzido, priorizando a manutenção da posse de bola.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *