Sem tempo a perder, os reforços trazidos pelo São Paulo já entraram em campo neste ano. Dentre todos eles, o único que ainda não recebeu um minuto sequer é o meio-campista Damián Bobadilla.

O paraguaio esteve no banco de reservas na estreia do Tricolor na temporada, contra o Santo André, e no jogo diante do Mirassol, na última terça-feira, que terminou com empate por 1 a 1. Contudo, não foi utilizado pelo técnico Thiago Carpini em nenhum momento.

O treinador tem promovido uma rodagem no elenco do São Paulo neste início de 2024. A ideia é não forçar ninguém neste primeiro momento, quando os jogadores ainda não estão no seu auge físico.

Ainda assim, Bobadilla não foi testado por Carpini. Ele tem treinado normalmente com o time e aguarda uma chance para estrear pela equipe.

A expectativa é que o atleta possa enfim ser utilizado neste sábado, quando o Tricolor enfrenta a Portuguesa. O duelo está marcado para as 18h (de Brasília), no Morumbis, pela terceira rodada do Campeonato Paulista.

O São Paulo desembolsou U$ 3 milhões (aproximadamente R$ 14,8 milhões) ao Cerro Porteño por 60% dos direitos econômicos do jogador de 22 anos. Bobadilla costuma atuar como segundo homem de meio-campo, posição ocupada por Alisson.

Enquanto espera sua chance, o paraguaio viu Ferreirinha, Luiz Gustavo e Erick estrearem pela equipe. Até mesmo os atletas que não faziam parte dos planos anteriormente, como Nikão, já foram acionados nas primeiras duas partidas do Tricolor.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *